Início > Angola

CCIP: Missão Empresarial à Segunda Maior Economia da África Subsariana

A CCIP vai realizar no mês de março a segunda Missão Empresarial a Angola, um importante ponto comercial para Portugal. Um país rico em recursos naturais, sendo o segundo maior produtor de petróleo no continente africano. A missão vai realizar-se entre 13 e 17 de março.

As relações comerciais entre o nosso país e Angola são já antigas, sendo Angola um dos principais parceiros comerciais de Portugal. Nos últimos dois anos tem mostrado sinais de crescimento substancial, com a abertura da sua economia, onde Portugal é privilegiado para as trocas comerciais.

Exportações portuguesas para Angola somam mais de 2 mil milhões em 2022

As exportações de bens e serviços de empresas portuguesas para Angola atingiram mais de 2 mil milhões de euros até finais de outubro de 2022, ultrapassando já os níveis pré-pandemia, revelou à Lusa o embaixador português em Luanda. Angola continua a ser um mercado fundamental para as exportações portuguesas: “é o nono mercado a nível mundial e terceiro país fora da União Europeia, atrás dos Estados Unidos e do Reino Unido, e principal mercado na CPLP”, salientou Francisco Alegre Duarte.

AD Ports Group assina protocolos com Angola

O Grupo Abu Dhabi Ports (AD Ports) assinou acordos estratégicos com organizações angolanas para melhorar a conectividade marítima ao longo da costa oeste e colaborar no desenvolvimento da indústria de serviços marítimos e infraestruturas em todo o país.

De entre os acordos estabelecidos, está a formação de uma joint venture com a empresa estatal de logística e transporte Unicargas, que administra o terminal multiusos do Porto de Luanda, o porto mais movimentado de Angola. Port ali passam mais de 70% das importações internacionais do país e 80% das suas exportações não petrolíferas. A nova joint venture, com participação maioritária do Grupo Abu Dhabi Ports, atuará na modernização, gestão, operação do terminal e do negócio logístico da Unicargas.

ANGOLA

Empresa Portuária estimula actividade comercial em Porto Amboim

A Empresa Portuária do Amboim E.P. estabeleceu como prioridade, para o ano 2023, a dragagem dos cais para facilitar a navegação marítima e estimular a actividade comercial em Porto Amboim, província do Cuanza Sul, revelou o Presidente do Conselho de Administração da Empresa Portuária do Amboim, Francisco Fernandes.
Em declarações à ANGOP, o gestor disse que há um grande problema com a dragagem dos cais e que será solucionado "com as concessões ou atribuição de licenças que iremos conceder aos operadores privados para facilitar a navegação marítima”.

PORTO DE LUANDA, ANGOLA

Novo terminal de cabotagem começa a operar em Abril

O novo terminal de cabotagem norte do Porto de Luanda entra em operação no segundo trimestre do corrente ano, com novos equipamentos e meios tecnológicos que irão proporcionar maior conforto e segurança na trasladação de mercadorias.

As obras, iniciadas há mais de dois anos, encontram-se em 60% de execução física e, nesta altura, já se verifica a montagem de equipamentos e meios tecnológicos.

MOÇÂMEDES, ANGOLA

Porto do Namibe arrecada mais de Kz 5 mil milhões

Mais de cinco mil milhões 88 milhões 447 mil é o montante arrecadado pelo Porto do Namibe, de Janeiro a Dezembro de 2022, segundo o presidente do Conselho da Administração (PCA) da empresa, Nazareth Neto. Este valor resulta de um milhão de toneldas de carga diversas transportadas neste período, com destaque para a exportação de rochas ornamentais para a China, Espanha e Itália, na ordem de 71 por cento.

Ao todo, o Porto do Namibe movimentou um milhão 307 mil 500 e toneladas de carga diversa, disse à ANGOP Nazareth Neto.

Legislação Angola - Regulamento de Tarifas Portuárias de Angola

Aprovação, pelo Decreto Executivo conjunto n.º 634/22, de 6 de Dezembro, do Regulamento de Tarifas Portuárias de Angola, que entrou em vigor no mesmo dia 6 de Dezembro.

ANGOLA

Fórum recomenda maior participação da mulher na economia azul

Os participantes do "Fórum sobre a participação da mulher na economia azul" manifestaram a necessidade de se assegurar a disponibilidade das mulheres no envolvimento da economia azul, enquanto oportunidade para a construção de parcerias, troca de experiências e informações entre os países da organização dos Estados de África, Caraíbas e Pacífico (OEACP).

ANGOLA

Ministro quer portos na dianteira da transição energética

O Ministro dos Transportes, Ricardo D´Abreu, defendeu, em Luanda, acções conjuntas dos portos de África, com vista a redução da emissão de carbono, num processo progressivo de transição energética. 

Na visão do ministro, a transição é um desafio difícil, por isso, deve ser progressivo, sobretudo nas economias menos avançadas, que dependem do petróleo para a produção de energia. 

ANGOLA

Caminho de Ferro de Moçâmedes procura afirmar-se no contexto internacional

O Caminho de Ferro de Moçâmedes (CFM) está a fortificar a sua imagem e a modernizar os seus serviços, com vista a afirmar-se no contexto da competitividade nacional e internacional dos transportes.

Essa realidade que hoje a empresa pública do ramo dos Transportes, apresenta, começou em 2012 com a modernização dos seus serviços, o que permitiu desenhar um novo quadro de actividade económica, antevendo-se o reforço da coesão territorial para o desenvolvimento da região, através da importação e exportação de carga pesada e mercadorias contentorizada.

ANGOLA

Zona franca no Dande com estudo ambiental na fase final

O estudo de impacto ambiental na Zona Franca de Desenvolvimento Integrado da Barra do Dande (ZFDIBD), província do Bengo, está na fase final e será submetido a consulta pública, informou em Caxito, o Presidente do Conselho de Administração, Joaquim Piedade.

Ao falar no acto de apresentação do projecto à sociedade civil do Bengo, referiu que neste momento decorrem os trabalhos das infraestruturas básicas internas que contemplam a rede viária, rede de águas, pluviais e residuais, sistemas de abastecimento água potável e de electricidade.

ANGOLA

Porto de Cabinda quer acabar com dependências de outros portos

A conclusão, nos próximos dois anos (2023/2024), das obras em curso do Cais Quebra-Mar do Tafe e do Terminal de Águas Profundas do Caio, do Porto de Cabinda, vão determinar o fim da dependência nas operações de descargas, cargas e transbordo de mercadorias importadas.

O PCA do Porto de Cabinda, José Kuvingua, revelou que decorrem a bom ritmo as obras na importante infra-estrutura económica da província, que vai conferir uma nova dinâmica para enfrentar os desafios que se impõem, a qualquer porto do mundo, e garantir um desenvolvimento na província.

COM VÍDEO

XIII Congresso da APLOP | Massoxi Bernardo | Porto de Luanda

Intervenção de Massoxi Bernardo, Director de IT do Porto de Luanda (Angola), no XIII Congresso da APLOP, realizado a 27 e 28 de Outubro de 2022, na Ilha do Sal (Cabo Verde).
O orador abordou o tema “Portos Angolanos – Novos desafios para a JUP na agilização do sector portuário angolano”.
Comunicação inserida no painel II, sob a moderação de Ireneu Camacho, Presidente da APLOP e Presidente da ENAPOR – Portos de Cabo Verde.

VÍDEO NO CANAL DA APLOP NO YOUTUBE

XIII Congresso da APLOP | Joaquim Piedade | Zona Franca do Dande

Intervenção de Joaquim Piedade, Presidente da Sociedade de Desenvolvimento da Barra do Dande, no XIII Congresso da APLOP, realizado a 27 e 28 de Outubro de 2022, na Ilha do Sal (Cabo Verde).

Comunicação subordinada ao tema “Portos Angolanos – Contribuição da Zona Franca do Dande para o desenvolvimento sustentável em Angola”, inserida no painel I, sob a moderação de José Luís Cacho, Presidente da Associação dos Portos de Portugal (APP) e da Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS). A organização do congresso esteve a cargo da ENAPOR - Portos de Cabo Verde.

EM LUANDA, DE 15 A 18 DE NOVEMBRO

42.º Conselho anual da AGPAOC

Este Conselho é o órgão supremo da AGPAOC, constituído pelos Directores Gerais de cada Porto e as Organizações.

O conselho discutirá as actividades realizadas pela associação durante o período de 2021-2022 e o seu Conselho de Administração, e também aprovará o calendário de 2023, bem como a aprovação de novos membros. Organizar-se-á uma mesa redonda para discutir questões actuais relacionadas com a actual dinâmica dos portos.

EUA reiteram cooperação com Angola na segurança marítima

Os Estados Unidos da América (EUA) reiteraram o interesse em manter a cooperação com Angola, em particular no domínio da segurança marítima.

O facto foi referido pela encarregada de negócios da Embaixada americana em Angola, Mary Emma Arnold, ao discursar a bordo do navio porta-aviões USS Hershel “Woody” Willliams (ESB 4) da Marinha dos EUA, que esteve atracado no Porto de Luanda.

Associações ferroviárias angolana e portuguesa querem «impulsionar e conectar» linhas de Angola

Associações dos técnicos ferroviários angolanos e portugueses assinaram esta terça-feira, 25 de Outubro, em Luanda, um protocolo de cooperação para formação de técnicos angolanos, impulsionar o novo paradigma do sector ferroviário e ajudar à conexão das três linhas ferroviárias angolanas.

ANGOLA

Janela Única Portuária implementada no Lobito

O Lobito já conta com a Janela Única Portuária (JUP), uma plataforma digital lançada com o objectivo de tornar mais célere a actividade comercial e visa facilitar a tramitação de processos naquela unidade do sector dos Transportes.

O coordenador do Projecto, Massoxi Bernardo, anunciou ao Conselho de Administração o início das operações na plataforma, durante o balanço dos cinco dias de trabalho na Empresa Portuária do Lobito para a implementação do sistema.

Portugal foi o segundo parceiro comercial de Angola entre Abril e Junho de 2022

Portugal foi o segundo parceiro comercial de Angola, em relação à origem das importações, com uma quota de 11,6%, e o terceiro em termos de investimento direto estrangeiro não petrolífero no segundo trimestre de 2022.

O Relatório da Balança de Pagamentos e Posição de Investimento Internacional relativo ao segundo trimestre 2022, publicado pelo Banco Nacional de Angola (BNA), refere que a China lidera a lista dos principais parceiros comerciais com uma quota de 14,3%.

Portos de Aveiro e Figueira da Foz receberam delegação do Porto do Lobito

Os portos de Aveiro e da Figueira da Foz receberam, recentemente, uma delegação do Porto do Lobito, Angola. A visita surgiu no âmbito da cooperação entre portos associados da Associação dos Portos de Língua Portuguesa (APLOP).

A delegação teve a oportunidade de conhecer as duas infraestruturas portuárias, projectos em curso, investimentos previstos, bem como as tecnologias utilizadas no âmbito da gestão portuária e financeira.

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

 XIII Congresso da APLOP | Ireneu Camacho | ENAPOR – Portos de Cabo Verde

 XIII Congresso da APLOP | Eneida Gomes | ENAPOR – Portos de Cabo Verde

 XIII Congresso da APLOP | Joaquim Gonçalves | APDL

 XIII Congresso da APLOP | Ricardo Roque | A Marca APLOP – Novos Caminhos

 XIII Congresso da APLOP | António Santos | Estudo de Mercado dos Portos dos PALOP

 XIII Congresso da APLOP | Dinis Manuel Alves

 XIII Congresso da APLOP | Segundo período de debate

 XIII Congresso da APLOP | Debate

 XIII Congresso da APLOP | Apresentação do Painel 1

 Encerramento do XIII Congresso da APLOP

 XIII Congresso da APLOP | José Renato Ribas Fialho | ANTAQ

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Ireneu Camacho

 XIII Congresso da APLOP | José Luís Cacho

 XIII Congresso da APLOP | Massoxi Bernardo | Porto de Luanda

 XIII Congresso da APLOP | Francisco Martins | Porto de Suape

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Murillo Barbosa

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Abraão Vicente

 XIII Congresso da APLOP | Cerimónia de Abertura | Jucelino Cardoso

 XIII Congresso da APLOP | Belmar da Costa | Curso de Introdução ao Shipping

 XIII Congresso da APLOP | Joaquim Piedade | Zona Franca do Dande

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)